Um Objetivo Grande, Audacioso e Cabeludo


Em 25 de maio de 1961, o presidente americano J.F. Kennedy disse, em um discurso diante do congresso, que o país deveria se comprometer a aterrissar um homem na lua e retorná-lo em segurança para a terra até o final da década.


Ao compartilhar este objetivo, reprovado pela maioria dos americanos naquele momento, ele mobilizou toda uma estrutura de recursos em torno do Programa Apollo.


Em julho de 1969 ele foi alcançado com a Apollo 11.


Esta breve história, corriqueira nos dias de hoje, pelas tantas façanhas espaciais já realizadas desde então, ilustra um conceito empresarial muito importante: a visão de longo prazo.


Muitas empresas não possuem esta visão.


Outras possuem, mas são frases carregadas de chavões e banalidades que não cumprem o principal propósito da sua existência, que é direcionar e mobilizar todos os recursos da empresa para alcança-lo, assim como fez Kennedy em sua fala.


No lugar de Visão, eu prefiro usar o termo BHAG | Big Hairy Audacious Goal cunhado por Jerry Porras e Jim Collins em seu livro Feitas para Duras: Práticas Bem Sucedidas de Empresas Bem Sucedidas.


Trazendo para o bom português, o Objetivo Grande Audacioso e Cabeludo -OGAC!


Este objetivo, como o próprio nome sugere, deve representar uma tarefa enorme e assustadora que estressa os limites da empresa para alcançar sua grandeza em um prazo mínimo de 10 anos.


Um objetivo que, a primeira vista, ninguém na empresa tem uma ideia clara de como alcança-lo, que exigirá esforços além dos conhecimentos e habilidades atuais e criará um ambiente de inovação.


Além disto, seu OGAC deve ser capaz de atrair e inspirar as pessoas que fazem parte do seu time. fazendo com que cada um deles dê o seu melhor para sua conquista.


Existem quatro tipos de OGACs


Orientado para Metas: o mais comum deles. São metas quantitativas ou qualitativas para o negócio.

Se tornar um companhia de US$ 125 bilhões no ano 2000 (Wal Mart em 1990)


Competitivo: um objetivo que Porras e Collins denominaram de inimigo comum, que deve estar direcionado a derrotar seu maior competidor no seu segmento de negócio.

Esmague a Adidas (Nike em 1960)

Nós iremos destruir a Yamaha (Honda, 1970)


Modelo: um objetivo para quem aspira ser igual a grandes companhias no seu nicho de mercado

Ser a Nike da indústria do ciclismo. (Giro Sport Design em 1986)


Transformacional: um objetivo indicado para empresas maiores que buscam mudar sua maneira operar.

Transformar esta empresa de um fornecedor de contratos de defesa para a melhor empresa de alta tecnologia diversificada. (Rockwell em 1995)


Outros Exemplos de OGAC


  • Se tornar a marca de consumo mais reconhecida e respeitada no mundo. (Starbucks)

  • Qualquer livro impresso, em qualquer língua, disponível em menos de 60 segundos.(Amazon)

  • Um computador em cada mesa em cada casa. (Microsoft)

  • Se tornar a Harvard do oeste (Stanford University)

Escreva seu OGAC


Agora que você tem um entendimento do conceito e exemplos de Objetivos Grandes Audaciosos e Cabeludos, é hora de você definir o da sua empresa.


Um OGAC deve ser fácil de entender, servir como um ponto focal para concentrar os esforços da equipe e deve guiar as decisões em uma base diária.


Ao finalizar, faça o teste para ver se tem um OGAC poderoso (com base no modelo de visão de Jim Collins)

  • Você acha que o seu OGAC é excitante?

  • Seu OGAC é claro, atraente e de fácil compreensão?

  • Seu OGAC se conecta com o propósito do negócio?

  • Seu OGAC será excitante para uma base ampla de pessoas na empresa, e não somente para seus executivos?

  • Você tem inegavelmente um OGAC, e não uma visão ou missão prolixa, difícil de entender, complicada e impossível de ser lembrada?

  • Você acredita que a empresa tem menos de 100% de chance de alcançar seu OGAC (50 a 70% é o ideal) e mesmo assim acredita que ela pode alcançar se estiver completamente comprometida?

  • Alcançar o OGAC exigirá um salto expressivo nas capacidades e características da empresa?

  • Em 25 anos você será capaz de dizer se alcançou seu OGAC?

Com seu OGAC pronto, ele deve ser um direcionador para os seus planos de médio e curto prazo.

Tudo deve estar relacionado com ele.


Eu espero que isto te ajude na construção de sua empresa.


Seus comentários serão muito bem vindos e fique à vontade para compartilhar com quem precisa saber deste assunto.



Eduardo Mendonça

Treinador de Negócios

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Rua Álvaro Guterres 335 / 206.

Porto Alegre - RS 94920-010
 

T: 51 993 257 699

  • YouTube
  • LinkedIn
  • Instagram
  • Facebook